• IEVY

DECISÕES QUE CONTAM | Pr. Paulo Maximiniano

"Teu pai colocou sobre nós um jugo pesado, mas agora diminui o trabalho árduo e este jugo pesado, e nós te serviremos". (2 Crônicas 10.4)


O propósito desta Pastoral é desafiar você a administrar bem o que Deus colocou em suas mãos.

Quando não adotamos princípios bíblicos, começamos a agir e tomar decisões segundo o padrão que o mundo nos ensina.

Por não adotar os critérios corretos, muitas vezes perdemos dinheiro! Dinheiro que, às vezes, estamos guardando há muito tempo para alcançarmos objetivos ou até sonhos.

Para tomar boas decisões, precisamos buscar conselho com pessoas idôneas: “Disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea.” (Gn 2.18). Muitas vezes, tomamos decisões levados pelas nossas emoções: “Se alguém tem falta de sabedoria, peça a Deus, que a dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida”. (Tg 1.5). Outras vezes, tomamos decisões financeiras erradas, por não usar os critérios bíblicos: “Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.” (Mt 6.24).

Um pouco da história do rei Roboão (2 Cr 10.1 a 5):

Em sua primeira ação, Roboão precisou tomar uma decisão financeira! Os impostos eram altos e o povo reclamava. Roboão recebeu o reino depois de 40 anos de reinado de seu avô Davi e de 40 anos de reinado de seu pai Salomão. Salomão tinha alto nível de administração. Roboão tinha baixa capacidade de administração e, por isso, perdeu dez das doze tribos de Israel, em 72 horas! Reduziu o reino a seu nível de administração pessoal.

A atitude de Roboão nos ensina que a capacidade de administração determina como serão nossos negócios, ministério e família. Não é nossa capacidade de trabalho, mas a de administração. Temos que ter produção e administração.

A solução está na palavra de Deus: “Tomou, pois, o Senhor Deus ao homem e o colocou no jardim do Éden para o cultivar e guardar.” (Gn 2.15). Cultivar não é o mesmo que guardar: cultivar é produção. Guardar é administração.