• IEVY

JESUS, O RESTAURADOR DE VIDAS E MINISTÉRIOS | Pr. Luciano Manga

Pela terceira vez, ele lhe disse: "Simão, filho de João, você me ama? “Pedro ficou magoado por Jesus lhe ter perguntado pela terceira vez "Você me ama? “e lhe disse: "Senhor, tu sabes todas as coisas e sabes que te amo". Disse-lhe Jesus: "Cuide das minhas ovelhas”. (João 21.17).

O contexto do versículo acima é um dos acontecimentos mais lindos da história da vida de Pedro. Foi o momento transformador na vida de Pedro, um discípulo impetuoso em tudo.

Ele vivera preciosas experiências ao lado de Jesus, mas acabou traindo o Mestre dizendo que não O conhecia e nem fazia parte daquele grupo. Após esse acontecimento, Pedro se arrependeu e chorou amargamente. Mas nada fez para mudar esse triste fato.

Jesus foi condenado e morto. Ao terceiro dia, ressuscitou e, por diversas vezes e durante 40 dias, apareceu a Seus discípulos.

Esse diálogo de Jesus com Pedro se deu em uma dessas aparições de Jesus. Pedro sabia que era Jesus Quem estava ali com eles na praia, mas não teve a iniciativa de pedir perdão. Jesus, como sempre, amoroso, bondoso e misericordioso, deu o primeiro passo e foi falar com Pedro.

Em João 21, há a narrativa de um dos mais belos diálogos que Jesus teve com Pedro. Diante da tão importante e crucial pergunta: “Pedro, tu me amas?”, feita por três vezes seguidas. A repetição da pergunta levou Pedro, mais uma vez, a uma profunda tristeza e a uma importante reflexão. Esse fato trouxe a Pedro um novo começo.

Diante dessa situação, querido leitor, faço três apontamentos do que aprendemos nesse contexto.

1. JESUS, “ABRIDOR DA PORTA” DA ALMA

Foi Jesus quem deu o passo de reconciliaç