• IEVY

VOCÊ É FELIZ QUANDO SE SENTE ÚTIL PARA ALGUÉM | Pr. Ageo Silva

“Feliz é aquela que creu que se cumprirá aquilo que o Senhor lhe disse!" (Lucas 1.39 a 55 – destaque v.45)


O propósito desta Pastoral é declarar que a felicidade existe quando amamos, quando somos amados e quando nos sentimos úteis a alguém.

É normal, é lícito, é legítimo que todo mundo busque a felicidade, a excelência, o melhor para sua vida e para sua família.

Muitos buscam a felicidade nos bens materiais, como no dinheiro, no conforto da boa casa; outros, na realização pessoal na profissão, no trabalho, no casamento, nas boas obras; outros, no “culto à própria imagem”, no excessivo tratamento da beleza física, na aparência estética, nas roupas de ‘grife’, na frequência às rodas sociais, na companhia de pessoas importantes da sociedade, no carro importado, nas aplicações financeiras ou no exterior; na espiritualidade como na contemplação, na Palavra de Deus, na oração e na comunhão com Deus, no serviço a Deus e ao próximo. Não raras vezes, a felicidade é buscada onde ela não está, ou ali não exista, cometendo-se o erro quanto ao alvo. Está provado que o segredo da felicidade consiste na realização destas três coisas na vida: quando amamos, quando somos amados; quando somos úteis.

Meditemos:


1. VOCÊ É FELIZ QUANDO VOCÊ AMA

Fomos feitos à imagem e à semelhança de Deus, porque Deus é Espírito e “Deus é amor”. É o “imago Dei”. Deus quer ver estampado em nós o Seu amor, que é a sua característica principal de Deus: Deus é Amor! O pecado criou sério problema na vida do homem quando o fez incapaz de amar. O pecado encheu de ódio o coração do ser humano!

Com a dádiva de Jesus Cristo ao mundo perdido, Deus capacitou o ser humano a amar, mas não com o mesmo amor que Ele nos amou, porque o amor de Deus é singular: ninguém consegue amar como Deus nos amou e nos ama. Você não tem a coragem de entregar seu filho ou filha para ser sacrificado ou sacrificada em resgate a um bandido “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o Seu Filho Unigênito para que todo aquele que nEle crê tenha a vida eterna.” (Jo 3.16)

A Graça de Deus é que nos capacita a amar, nos enche de compaixão e misericórdia pelo nosso semelhante. Sem a Graça de Deus não temos o verdadeiro amor. É admirável o amor de mãe: ama seus filhos sempre, quando estão bem e quando não estão bem!

O Pr. Richard Wurmbrand, pastor romeno, escritor de vários livros, entre os quais “Torturado por Amor a Cristo”, foi preso e torturado pelos comunistas durante a 2ª Guerra Mundial (1939 a 1945). Os comunistas queriam que ele negasse sua fé em Deus, ou ele morreria. Ele não a negou. Certa vez ele disse aos seus torturadores no corredor da morte: “Ainda que vocês me matem e me piquem em pedaços, cada pedacinho vai amar vocês, porque Deus me amou e ama vocês também!”. No final da Guerra, o Pr. Richard foi liberto da prisão, conseguiu migrar-se para os EUA. Faleceu em 2001, aos 91 anos, em Torrance, Califórnia, EUA,


2. VOCÊ É FELIZ QUANDO VOCÊ É AMADO

Este “ser amado” não é uma posição egocentrista. É sentir a empatia do outro ser que nos ama. O perdão ocupa lugar de sublime destaque em nossa vida. A capacidade de perdoar é virtude dada por Deus, que ama de forma extremada; perdoar é decisão pessoal. A desculpa que muitos dão “não consigo perdoar” é maligna, é egoísta, é desejo de não liberar a outra pessoa, mas de mantê-la como devedora de uma ofensa. Só quem ama é capaz de perdoar. Deus nos perdoa porque Deus é amor.

O mundo em que vivemos é imperfeito; por isso, nossa felicidade aqui é incompleta. Hoje amamos, perdoamos, sentimo-nos felizes. Amanhã, mesmo amando, estamos sujeitos a ofender a pessoa que nos ama ou que amamos, voluntária ou involuntariamente.

Somos felizes quando o centro da nossa vida é Deus. Fazer a vontade de Deus e agradá-LO passam a ser alvos definidos e constantes no viver diário. O reflexo desse amor a Deus é a manifestação de nosso amor ao nosso semelhante.


3. VOCÊ É FELIZ QUANDO VOCÊ É ÚTIL PARA ALGUÉM

No v. 45 lemos que Maria era feliz porque creu no que Deus lhe prometeu, e aconteceu! “Feliz é aquela que creu que se cumprirá aquilo que o Senhor lhe disse!”. Deus viu em Maria a possibilidade de ela ser a mãe, a “gestadora”, como ser humano, do Filho de Deus. Deus achou graça em Maria. Ela se tornou útil para Deus e para a humanidade.

Não foi fácil para seu noivo, José, conviver naquela situação: a sua noiva, Maria, foi engravidada sem que eles tivessem tido nenhuma relação... José também pode ser considerado útil para a humanidade por receber Maria como sua mulher e aceitar e crer que Quem estava gerado em Maria era o Filho de Deus, por obra e Graça do Espírito Santo!

Ao nascer Jesus, mesmo no meio das dores de parto, Maria deve ter se lembrado das palavras do Anjo da Anunciação: “Alegre-se, agraciada! O Senhor está com Você! ’ Não tenha medo, Maria! Você foi agraciada por Deus! Você ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe porá o nome de Jesus. Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi, e ele reinará para sempre sobre o povo de Jacó; seu reino jamais terá fim.” (Lc 1.28 a 33). Maria ouviu sua prima, Isabel, lhe dizer: “Você é feliz!”, porque Maria estava sendo útil para Deus e para a humanidade.

Concluindo, leitores, você que é mãe, sinta-se feliz por ter gerado e dado à luz filhos para Deus! Deus se agradou em você também! Com isso, não estou dizendo que as mulheres que ainda não geraram filhos é porque Deus não se agradou delas. Não! Deus tem seus planos e propósitos: Deus pode estar preparando o milagre esperado e vai realizá-lo para a Glória dEle! Esse milagre precisa ser valorizado e glorificado!

Você é feliz? Ou você quer ser feliz? Você tem momentos de felicidade e gostaria que esses momentos fossem permanentes?

Reflita nisto: você já repartiu do seu amor com outras pessoas? Você já amou ou está amando alguém? Você está amando alguém legitimamente?

Você já se sentiu amado ou amada pelas pessoas que estão à sua volta, na família, na Célula, na Igreja, no trabalho, na escola, na sociedade?

Você já se sentiu útil para outras pessoas? Você já se sentiu útil para Deus?

Maria se sentiu útil para Deus ao dar à luz o Salvador do Mundo: “Minha alma engrandece ao Senhor e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, pois atentou para a humildade da sua serva. De agora em diante, todas as gerações me chamarão bem-aventurada, pois o Poderoso fez grandes coisas em meu favor; santo é o seu nome.”.

Que Deus assim nos abençoe.


Pr. Ageo Silva


NOTA: Mensagem pregada no domingo, 7.7.19, no culto da manhã, na IEVY.

43 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA

R. Benedito Américo de Oliveira, 36

Vila Yara, Osasco - SP - CEP 06028-080

CNPJ: 47.357.454/0001-88

REDES SOCIAIS

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • LOGOWHATS

NOSSOS CULTOS:​

Quinta-feira - 20h
Domingo - 10h30 / 19h

CONTATO

contato@ievy.org.br


Tel: (11) 3682-1484

DEIXE SUA MENSAGEM

2020 | IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA