• IEVY

DEUS REQUER NOSSO ISAQUE NO SEU ALTAR

Atualizado: 13 de Abr de 2019


Passado algum tempo, Deus pôs Abraão à prova, dizendo-lhe: "Abraão!” Ele respondeu: "Eis-me aqui". Então disse Deus: "Tome seu filho, seu único filho, Isaque, a quem você ama, e vá para a região de Moriá. Sacrifique-o ali como holocausto num dos montes que lhe indicarei".” (Gênesis 22.1 a 19 – destaque vs.1 e 2).

O propósito desta Pastoral é alertar a todos que Deus está requerendo, de cada um de nós, o que nos é o mais precioso, o nosso Isaque, como gesto de obediência e consagração.

Cada um de nós quer ter fé para solução de todos os problemas da vida. Queremos ter fé, mas não queremos ser provados nela, ou pagar o preço dessa fé.

A Bíblia diz que a fé tem que ser provada. Há exemplos, na Bíblia, de homens que foram provados na sua fé, como é o caso de Abraão, Jó, Paulo e a descrição do capítulo 11 da carta aos Hebreus;

Geralmente, na prova de nossa fé há CRISES, que não podem nos assustar, pois são extremamente necessárias para a prova de nossa fé - Tg 1.2 a 4: “Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança. E a perseverança deve ter ação completa, a fim de que vocês sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa alguma.”

Tg 1.13 e 14: “Quando alguém for tentado, jamais deverá dizer: "Estou sendo tentado por Deus". Pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. Cada um, porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta arrastado e seduzido.”.

Abraão, o pai da fé, a sua experiência com Deus foi marcada por quatro grandes CRISES que, em cada uma delas, envolveu sempre a entrega de alguma coisa, que lhe era muito preciosa ou querida:

1a. Pátria e parentes – Gn 12.1 - “Sai da tua terra e da tua parentela e vai para uma terra que eu te mostrarei...”.

2a. Convívio com seu sobrinho, Ló – Gn 13.7-11 - “... se fores para a esquerda, irei para a direita; se fores para a direita, irei para a esquerda.”. Ló era muito querido de Abraão, mas a terra era pouca para a convivência de ambos com seus rebanhos;

3a. Seus planos sobre Ismael, seu filho com a serva, Agar - Gn 17.17-19 – “Então, se prostrou Abraão, rosto em terra, e se riu, e disse consigo: A um homem de cem anos há de nascer um filho? Dará à luz Sara com seus noventa anos? Disse Abraão a Deus: Tomara que viva Ismael diante de ti. Deus lhe respondeu: De fato, Sara, tua mulher, te dará um filho, e lhe chamarás Isaque; estabelecerei com ele a minha aliança, aliança perpétua para a sua descendência.”

Deus cumpriria seus planos em Isaque e não em Ismael, fruto da precipitação dos planos de Deus para sua vida;

4a. A entrega de Isaque - Gn. 22:2 - “Toma a teu filho, Isaque, a quem amas, e vai-te para a terra de Moriá; oferece-o ali em holocausto, sobre um dos montes que eu te mostrarei.”. HOLOCAUSTO é oferta TOTAL, sem reservas.

Mas, o que tem a ver conosco este assunto? Vejamos:

I - ABRAÃO CONHECIA O DEUS QUE O SUBMETIA À PROVA MAIS UMA VEZ

Gn 17.1 - “Eu sou o Deus-Todo-Poderoso (“El-Shadai”): Anda em minha presença e sê perfeito.”

Como foi essa prova de fé ou de fidelidade de Abraão a Deus?

1. Deus não estava pedindo uma coisa qualquer, mas o que era de maior valor e significado para Abraão: Isaque, o filho da velhice, da 3a. Idade, da esterilidade da esposa, da impossibilidade de gerar - v.2: “Toma o teu filho, teu único filho Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá; oferece-o ali em holocausto, sobre um dos montes, que eu te mostrarei.”

2. Abraão obedeceu prontamente, sem hesitar - v.3: “Levantou-se Abraão de madrugada, e tendo preparado o seu jumento, tomou consigo dois dos seus servos e a Isaque, seu filho; rachou lenha para o holocausto e foi para o lugar que Deus lhe havia indicado.”

3. Abraão confiou em Deus em termos absolutos - v.5: “Disse ele a seus servos: "Fiquem aqui com o jumento enquanto eu e o rapaz VAMOS até lá. Depois de ADORARMOS, VOLTAREMOS". Note que o verbo está na 1a. pessoa do plural!

4. Abraão conhecia, além do “El-Shaddai” (Deus-Todo-Poderoso), também o “Jeová-Jiré”, o Deus de toda a provisão - v.7: “...Perguntou-lhe Isaque: Eis o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto?” 8 “Deus proverá para Si, meu filho, o Cordeiro para o Holocausto!”

5. As circunstâncias ambientais não alteraram a fé de Abraão e ele continuou obedecendo . Não havia sinal VISÍVEL de nada: nem cordeiro, nem anjo, nem voz, nada, absolutamente nada! - v.9: “...chegaram ao LUGAR que Deus lhe havia designado...” Não apenas ao lugar, mas a hora, o momento da prova da obediência, da fé, da confiança em Deus etc. Humanamente falando, era momento difícil. Quem de nós seria capaz de fazer tal oferta ou entrega?

6. Abraão obedeceu até o último segundo de sua prova e Deus lhe foi Fiel - v.10 a 12: “E, estendendo a mão, tomou o cutelo para imolar o filho. Mas do céu lhe bradou o Anjo do Senhor: Abraão! Abraão! Ele respondeu: Eis-me aqui! Então lhe disse: Não estendas a mão sobre o rapaz e nada lhe faças; pois agora sei que temes a Deus, porquanto não me negaste o filho, o teu único filho.”

7. O Deus-Todo-Poderoso (“El Shaddai”) nunca falha - v.13: “Tendo erguido os olhos, viu atrás de si um carneiro preso pelos chifres entre os arbustos; tomou Abraão o carneiro e o ofereceu em holocausto, em lugar de seu filho.” . Esta prova de fé foi com Abraão, e Deus honrou sua fé.

II - DEUS QUER NOS ABENÇOAR DE FORMA SOBRENTURAL TAMBÉM, MAS NOSSA FÉ TEM QUE SER PROVADA

Deus prometeu bênçãos para os filhos dEle, não para toda a criatura. Ele nos deu os nossos “Isaques”, ou seja algo muito precioso para nós também. Deus não exige nada em troca ou pagamento pelas bênçãos! Deus não é mercantilista; Deus é longânimo, misericordioso, bondoso, amoroso...

Não é por sadismo ou por capricho. É por amor a nós mesmos que Deus age assim.

Nós valorizamos melhor as coisas da vida quando elas nos custam alguma coisa: a casa, o carro, a saúde de um filho, a profissão, o emprego etc.

III - DEUS ESTÁ REQUERENDO DE NÓS O NOSSO ISAQUE HOJE

Coloque-se no lugar de Abraão: qual é o Isaque de sua vida? O que você mais ama ou estima? Será a esposa ou marido? Filho ou pai ou mãe? Namorado ou noivo? Emprego ou trabalho? Bens como casa, carro, dinheiro, investimentos, conforto, bens adquiridos com “sacrifício”?

Por que não seríamos provados em nossa fé? Somos melhores que Abraão, Jó, Paulo e outros filhos de Deus, que foram provados por Deus?

Abraão foi considerado “O Amigo de Deus” e, nem por isso, deixou de ser provado.

Concluindo, leitores, Isaque foi oferecido como HOLOCAUSTO (oferta total) por Abraão sem questionamento com Deus. Abraão foi provado na sua fé e obedeceu: passou no teste!

Qual é o seu “Isaque”? Você está disposto a oferecer, hoje, o seu “Isaque” no altar do Senhor, como ato de obediência e gesto de fé absoluta em Deus?

Façamos isso agora mesmo.

Que Deus assim nos abençoe.

Pr. Ageo Silva

NOTA: Mensagem pregada no culto da manhã do domingo, 6.1.19, na IEVY.

68 visualizações

IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA

R. Benedito Américo de Oliveira, 36

Vila Yara, Osasco - SP - CEP 06028-080

CNPJ: 47.357.454/0001-88

REDES SOCIAIS

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • LOGOWHATS

NOSSOS CULTOS:​

Quinta-feira - 20h
Domingo - 10h30 / 19h

CONTATO

contato@ievy.org.br


Tel: (11) 3682-1484

DEIXE SUA MENSAGEM

2020 | IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA