• IEVY

PASSA Á MACEDÔNIA E AJUDA-NOS | Pr. Ageo Silva

“Durante a noite Paulo teve uma visão, na qual um homem da Macedônia estava em pé e lhe suplicava: "Passa à Macedônia e ajuda-nos" (At 15.36 a 41; 16.6 a 10 – destaque 16.9).

A MISSÃO da IEVY diz, desde 1995: “Existimos como IEVY porque Deus nos salvou para vivermos na plenitude de Sua Palavra, visando à edificação, à comunhão dos salvos e à evangelização dos perdidos em qualquer parte do mundo”.

O propósito desta Pastoral é assumir pessoalmente e reafirmar a cada irmão que a tarefa suprema, de maior importância da Igreja, é a evangelização aqui e em qualquer lugar do mundo! Eu e Você somos a Igreja local.

Missões é a Obra que está no coração de Deus: Salvar a Humanidade perdida nos seus pecados. É desejo de Deus que todos os homens se salvem - 1 Tm 2.4.

Jesus é o principal missionário enviado por Deus ao mundo para anunciar a Salvação, fazer-Se sacrifício pela humanidade perdida e ser nosso Amado Salvador e Intercessor diante de Deus;

A Igreja de hoje – a IEVY – precisa ter a consciência de sua Missão na terra: a tarefa suprema da Igreja é a Evangelização do mundo”.

Missões não é programa opcional da Igreja; é mandatório - Mc 16.15 – Jesus: "Ide por todo o mundo e pregaio evangelho a toda criatura...". A responsabilidade aumenta levando-se em conta Quem nos designou ou nos nomeou: Jesus! "Vocês não me escolheram, mas eu os escolhi para irem e darem fruto, fruto que permaneça, a fim de que o Pai lhes conceda o que pedirem em meu nome.” (Jo 15.16). Os anjos gostariam de desempenhar essa tarefa – anunciar as Boas Novas de salvação – mas foi confiada a nós, homens (1 Pe 1.12).

A Igreja precisa ter a consciência da urgente necessidade de fazer Missões - Rm 10.12 a15. A Igreja tem o compromisso de preparar para enviar; enviar e sustentar para que preguem; pregar para que creiam; creiam para que sejam salvos!

No sábado passado, 8, aconteceu o Evento de Missões – THE SEND BRASIL – ENVIA BRASIL, ocupando simultaneamente os Estádios do Morumbi, Allianz Park em SP e “Mané Garrincha” no DF, somando quase 295 mil pessoas, na sua maioria, jovens. Que Deus tenha falado ao coração dos jovens e adultos que lá estiveram, inclusive dezenas da IEVY.

A Igreja precisa ter a consciência de que a responsabilidade é NOSSA, é desta geração 1 Co 9.16: "Se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar... ai de mim se não pregar o evangelho!"

A Igreja precisa ter a consciência de que o Espírito Santo hoje continua chamando e separando homens, mulheres e jovens na Igreja para o cumprimento desta Missão - At 13.2: “...Separai-me a Barnabé a Saulo para a obra a que os tenho chamado."

A Igreja precisa ter a consciência de que é Deus quem chama ou vocaciona, prepara, envia e sustenta, e nunca os deixará sós - Js 1.2-9 e Jr 1.4-10.

A Igreja precisa ter a consciência de que Jesus prometeu que "estaria conosco todos os dias" quando obedecemos à Grande Comissão. É Sua promessa! (Mt 28.19 e 20).

A Igreja precisa ter a consciência de que Deus está muito mais interessado na Sua obrafazer Missões – do que nós mesmos! Mas Ele conta com homens e mulheres para isso, ou seja comigo e com Você (Lc 10.3). Há três maneiras de fazemos missões: 1. Indo como missionário; 2. Orando pelos missionários; 3. Contribuindo com os missionários.

Deus sempre chamou ou vocacionou homens para realizar Seus desígnios: Abrão (Gn 12.1-2). Profetas (Hb 1.1).

Jesus reuniu em torno de Si 12 homens; 70, em outra oportunidade e os designou para que fossem e dessem frutos (Jo 15.16 NVI) .

Paulo foi chamado pelo Senhor para uma missão especial: At 9.15, 16; 1 Co 9.16; 1 Co 1.17 e 18.

Cenário do acontecimento do texto-base: Era a 2ªviagem missionária de Paulo (At 15.36 a 18.22). Aconteceu a separação de Paulo e Barnabé (v.39 e 40)

A visão de Deus para a expansão do Seu Reino na terra permite separações, mas não que isto aconteça sempre - At 15.39.: João Marcos, "pivô" dos "desentendimentos" entre Paulo e Barnabé (37-39); Barnabé seguiu para outro campo fazendo a Obra de Deus e continuou amigo de Paulo. Dividiram-se para se multiplicarem;

O Espírito Santo, o Orientador da Igreja, mudou os planos de Paulo (16.6 a 8): Toda nossa sabedoria é insuficiente perante Deus; o Espírito Santo é o dirigente da Obra de Cristo na terra. Em 15.11.72, 1º DNJO, orávamos a Deus por Missões e o Espírito Santo nos falou os nomes dos primeiros missionários da IEVY. João e Judite foram enviados a Rondônia em 3/1973.

As nossas prioridades nem sempre são as de Deus. Desafios de Moçambique pela miss. Delci Esteves: Em 1991, trouxemos Horácio e Marta para cursar Teologia e APEC; voltaram a Moçambique formados e implantaram Igreja; em 1993, outro apelo da Delci, enviamos a miss. Laís Helena para estruturar o Ministério Infantil nas EBD nas igrejas;

Em 2008, a miss. Tereza Nava Lima, sustentada pela IEVY desde 1973, abriu mão do sustento pela aposentadoria; com esse valor, enviamos a Margaridinha para Guiné Bissau para ajudar a Margarida Virgílio, na Escola Emanuel para crianças, 95% das quais são filhos de muçulmanos.

Parcerias da IEVY e JUVEP em Projetos missionários e de implantação de Igrejas:

Em janeiro de 2004, em São João do Rio do Peixe, sertão da PB e nasceu a Igreja Evangélica Sertaneja, em 30.1.2004, que a IEVY confiou ao casal Pr. Alf e Meire.

Em janeiro de 2006, em Caririaçu, CE e nasceu a Igreja Evangélica em Caririaçu, CE, que IEVY confiou ao casal Pr Mário Lúcio e Margarete.

Em janeiro de 2012, em Santa Helena, sertão da PB; há 2 anos está com o Pr José Agnaldo e Maria Isabel.

Em julho de 2011, em Jamacaru, sertão do Ceará. Em 2.8.2011, recebemos esta carta de um de nossos jovens participantes: “..., agradeço a Deus e à liderança da IEVY pela oportunidade de participar do projeto missionário da Juvep; foi uma experiência incrível... no vilarejo de Jamacaru, no sertão do Ceará... Espero ter conseguido demonstrar... o que o Senhor fez na minha vida: ...eu pensei que seria usado para fazer a diferença na vida das pessoas; ... o Senhor usou as pessoas mais simples do mundo para fazerem a diferença na minha vida. Ismael Bernardes Junior.”. Ismael e Fanny são missionários na Jordânia, Oriente Médio, desde fevereiro de 2017; prestam assistência aos refugiados das perseguições no Iraque, Síria e outros países em conflito.

Deus usou um Dom espiritual para falar com Paulo, a visão: "À noite, sobreveio uma visão na qual um varão macedônio estava em pé e lhe rogava, dizendo: Passa à Macedônia e ajuda-nos!".

Paulo estava sempre sintonizado com o Espírito Santo e era dirigido por Ele – v.10: Paulo obedeceu prontamente; de Trôade, navegaram para Samotrácia, Neápolis chegando a Filipos, cidade da Macedônia, colônia romana.

Resultados da obediência de Paulo ao Espírito Santo: Filipos era Porto de entrada da Macedônia, cidade romana; Não tinha Sinagoga: Paulo e Silas foram orar às margens do rio (v13); aconteceu a conversão de Lídia, de Tiatira, vendedora ambulante de púrpura; houve a libertação da jovem adivinhadora; aconteceu a agitação na cidade, prisão e açoites de Paulo e Silas; as paredes da cadeia tremeram, as portas se abriram, e houve a conversão do Carcereiro; Paulo e Silas foram libertos da prisão porque eram romanos: Nasceu a Igreja de Filipos, para a qual Paulo, depois, escreveu uma carta com enfoque no Senhorio de Jesus.

Concluindo, leitores, fazer Missões é mexer com o que mais agrada a Deus, pois está no coração dEle alcançar toda a Humanidade perdida; fazer Missões é enquadrar-se no Plano eterno de Deus para a Salvação da Humanidade. Nosso mandato é efêmero. A membresia da Igreja é efêmera. A igreja participa do maior Projeto de Deus para a salvação da humanidade perdida, e não pode omitir-se: precisa fazer Missões!

Fazer Missões é fator de crescimento da Igreja; devemos estar abertos para fazer Missões conforme a orientação do Espírito Santo de Deus, sem perder o foco: “Ir por todo o mundo e fazer discípulos de todas as nações” (etnias):

Missões Urbanas (no ônibus, trem, metrô, supermercado, escola, vizinhança etc), Transculturais (indígenas, ciganos, quilombolas etc.), Nacionais - estabelecendo frentes de Evangelização; Socioculturais: artistas, atletas, caminhoneiros, meninos e homens de rua, prostitutas, homossexuais, viciados em drogas, universitários e de escolas de outros níveis; hospitais, quartéis, penitenciárias, profissionais liberais, sindicatos etc.

A IEVY precisa voltar a investir em Missões: é a razão de ser da Igreja! “Do Senhor é a Terra e a Sua plenitude; o mundo e aqueles que nele habitam” (Sl 24.1). Deus conta com Você nesta ação missionária!

Que Deus assim nos abençoe.

Pr. Ageo Silva

NOTA: Mensagem pregada no culto da manhã de 9.2.20, na IEVY

5 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

A DOUTRINA DA RESSURREIÇÃO

“Pois o que primeiramente lhes transmiti foi o que recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, foi sepultado e ressuscitou no terceiro dia.” (vs. 3,4 - 1 Co 15:1-4; 12-19; 3

IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA

R. Benedito Américo de Oliveira, 36

Vila Yara, Osasco - SP - CEP 06028-080

CNPJ: 47.357.454/0001-88

REDES SOCIAIS

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • LOGOWHATS

NOSSOS CULTOS:​

Quinta-feira - 20h
Domingo - 10h30 / 19h

CONTATO

contato@ievy.org.br


Tel: (11) 3682-1484

DEIXE SUA MENSAGEM

2020 | IEVY | IGREJA EVANGÉLICA DE VILA YARA